MADRID

00005

Madrid é cortada por  muitas avenidas, mas é a Gran Via aquela que é  considerada seu coração e o ponto de partida ideal para começar um tour pela cidade.

Comece pela Plaza de España, praça ladeada pelo Edifico de España e Torre de Madrid e que tem no centro um monumento dedicado à Cervantes, com estátuas de Dom Quixote e Sancho Pança. Siga em direção à Plaza del Callao. No caminho entre Plaza de España e Calle de Alcalá não deixe de apreciar a bela arquitetura de seus prédios.

Os bairros antigos de Madrid transmitem  um clima histórico, onde restaurantes, tabernas, balcões de ferro e lampiões parecem conduzir a gente de volta no tempo. A área próxima à Plaza Mayor e Cuchilleros é a mais encantadora. Reserve uma hora para percorrer a Cava de San Miguel. Esta rua fazia parte, junto com a Cava Alta e Cava Baja, do sistema de defesa que envolvia as muralhas da Madrid medieval. As cavas (estreitas covas ou fossos) tinham como finalidade formar uma defesa adicional caso a cidade fosse invadida. Com o tempo perderam a função defensiva, foram mais tarde aterradas e no século 16 transformadas em ruas. As construções do lado leste são na realidade parte do muro de contenção da Plaza Mayor.

 

PASSEIOS

 

CALLE SERRANO

Rua bacana no bairro de Salamanca, onde também vale passear na Calle Goya e Calle Velasquez, passar na loja Vinçon, a principal de design da cidade e acabar no El Jardin de Serrano, um mini shopping charmosíssimo que os madrilenhos adoram.

calle1

 

MONASTERIO DE LAS DESCALZAS REALES

O monastério Real fundado por Joana de Áustria, filha do Rei Carlos I e de Isabel de Portugal, em 1559. Este convento atraiu durante os século 16 e 17 as viúvas e solteironas nobres da Espanha que traziam consigo seus dotes e por isso o Monastério foi um dos mais ricos da Europa. O prédio é um antigo Palácio do Rei Carlos I e já vale a visita, além de quadros de Ticiano e tapeçarias feitas com desenho de Rubens, se visita a Capela e o claustro das frieiras que foi aberto à visitação por dispensa especial do Papa em 1960. Muito interessante, mas verifique os horários de funcionamento pois só abre duas horas pela manhã e duas horas à tarde!

monasterio1

Monasterio

monastero2

 

MUSEU DO PRADO

O Museu do Prado é um dos museus mais famosos do mundo e um dos pontos turísticos mais visitados da Espanha. Foi mandado construir pelo Rei Carlos III, tendo sua inauguração em 19 de Novembro de 1819. Em sua então inauguração, concluída por D. Fernando I e D. Maria Isabel de Bragança, o museu continha cerca de 311 obras de artes, provenientes de coleções reais e da nobreza.

prado1

Museo do Prado

PALACIO REAL DE MADRI

O Palácio Real de Madri é a versão espanhola de Versailles. Ele é um dos maiores e mais luxuosos da Europa, com seus mais de dois mil aposentos. Seu projeto teve origem em 1734, quando o rei Felipe V decidiu erguer um grande palácio em substituição à primeira fortaleza que existia neste local, destruída pelo fogo. A construção teve início em 1738, e durou somente 26 anos. Entre os pontos abertos à visitação destacam-se a Armeria, Sala de Refeições, Sala de Porcelana e o Salão do Trono. Não perca também a impressionante exposição de armas antigas, que inclui a armadura do rei Carlos V.

 

palacio-real-1

Palácio Real

palacio-real-3

PLAZA MAYOR

Centro da vila durante mais de quatro séculos, a Plaza Mayor, antes denominada Praça do Arrabalde e da Constituição, sobreviveu a três incêndios devastadores que obrigaram realizar sucessivas reconstruções até a deixar completamente fechada. No séc. XVII, depois de diferentes  projetos a praça adquiriu a sua atual estrutura graças a Juan de Villanueva.
Com a estátua eqüestre de Felipe III, a Plaza Mayor foi no século XVII não apenas o eixo comercial da cidade, como também grande centro de acontecimentos. Centro da vida social, na praça aconteceram celebrações de autos de fé da inquisição, canonizações, execuções públicas, corridas de touros, representações teatrais e coroações reais. A praça é linda, toda fechada, ponto de encontro, e um lugar gostoso para sentar nas mesinhas e viajar no tempo.Metrô: Linhas 2, 5. Estação Ópera.

 

plaza-mayor1

Plaza Mayor

plcaza2

 

PLAZA ESPAÑA + TEMPLO EGIPCIO

A Praça de Espanha é um ponto importante de Madrid, nela temos uma homenagem a Miguel de Cervantes com a escultura de Dom Quixote em bastante destaque. Dela sai a Gran Via. Bem perto fica o Templo de Debod, também conhecido como o Templo Egípcio. Ele foi construído no ano IV antes de Cristo e situava-se próximo à primeira catarada do Rio Nilo, no Egito. Em 1968 foi doado à Espanha em agradecimento a ajuda do governo espanhol ao salvamento dos templos de Abu Simel. O pôr do sol por ali é emocionante e rende esse tipo de foto.

madrid-plaza-de-espana

Plaza Espanha

 

PUERTA DEL SOL

Puerta del Sol, ou Porta do Sol  é uma movimentada praça central de Madri, do séc. XIX e é um point super animado, o coração do centro histórico de Madri. Lá se encontra o símbolo da cidade; a estátua de bronze do Urso tentando alcançar frutos de madoño ; ” El Oso Madroño”. E no meio da praça encontra-se a estátua equestre de D. Carlos III , é o marco zero do centro da rede ferroviária espanhola, ao lado da nova estação de trem, bem moderna.

 

porta-sol

Porta do Sol

 

portasol2

PUERTA DEL ALCALÁ

Situada na Praça Independência, a Puerta de Alcalá é um monumento construído para ser a porta de entrada da cidade e hoje é um dos mais famosos cartões postais de Madri. Na prática, você vai até lá só pra bater uma foto. Se tiver com tempo, por que não?

 

img_1833

Porta de Alcalá

 

 

GRAN VIA

Certamente você passará pela Gran Via em Madri. A animada avenida é uma das mais importantes da cidade em áreas comerciais, com vários hotéis e cinemas. Mas o que torna esta rua tão especial é o design arquitetônico de muitos edifícios. Cheia de turistas durante o dia e à noite cheia de vida, movimentada. Dia 4/Abril/2010 a Gran Via fez 100 anos e um emblema de Madri que continua a seduzir. Veja o vídeo com mapa interativo.

 

granvia

Gran Via

 

PARQUE DEL RETIRO

Foi construído como jardim privado da realeza, entre 1630 e 1640. Uma centena de anos depois, foi aberto para a visitação pública e até hoje é um dos parques mais agradáveis de Madri. Passar uma manhã ou uma tarde caminhando pelo parque e conhecendo os diversos monumentos é uma ótima ideia. Além das atrações obrigatórias que falamos acima, tem alguns outros lugares que valem a pena serem ponderados em sua visita, como o Zoo Aquarium de Madri, Real Jardim Botânico e o Estádio do Real Madrid (Santiago Barnabéu).

parque1

Parque do Retiro

parque2

 

PLAZA DOS TOUROS E A FAMOSA TOURADA 

Fui assistir a famosa tourada, mas confessos que hoje em dia não voltaria a assistir novamente !

Se você tiver estomago forte, para assistir uma “matança”, a Tourada é uma experiência cultural intensa e interessante. Digo intensa, pois você vai ouvir um monte de velhinhos espanhóis gritando: “Mata-lo”, ou xingando o toureiro por não executar o trabalho rápido. Fazendo um paralelo, é mais ou menos o que acontece no Brasil quando o estádio está lotado de torcedores e o time da casa perde o jogo. Todo mundo xingando sem parar! Na Espanha uma tourada pode ser bem mais animada que um clássico de futebol do Real Madrid por exemplo.

 

touros3

Plaza dos Touros

Mas o contrário também acontece, quando o toureiro tem um ótimo desempenho a multidão explode de alegria!

Confesso que fiquei com um pouco de pena do pobre do Touro, e até torci por ele. O coitado do touro tentou firme e forte, resistiu, lutou, deu duas belas chifradas no toureiro, mas acabou estraçalhado no chão puxado por um carrinho de bois. É, acho que torcer pelo touro não foi muito estratégico.

img_6177

 

 

Para assistir a tourada, tem vários tipos de entrada, quanto mais perto da Arena, mais caro fica. Obviamente comprei o mais barato, e não me arrependi, na verdade, deu para ver bem demais.

00001

00004

A tourada é dividida em três partes:

Primeiro vários assistentes entram na arena, cada um com uma capa rosa e amarela e distraem o touro enquanto um cavaleiro entra na arena e dá algumas boas picadas com lança no touro – o cavalo é vendado (Acho que se ele visse o touro ele não ia entrar ali de jeito nenhum)  e é protegido com uma armadura de ferro para não morrer. Dizem que antigamente muitos cavalos morriam durante a tourada pois não eram protegidos com armaduras de ferro.

img_6182

 

touros5

O touro entra tão bravo que muitas vezes os assistentes  tem que se esconder atrás de uma proteção de madeira onde o touro não entra – Ele é grande demais para passar pelo pequeno espaço.

Na segunda parte, os bandereiros colocam bandeirinhas no Touro, o ideal é que eles consigam colocar cada par de bandeirinhas lado a lado.

E por fim entra o toureiro, que  toureia um pouco com o animal e no momento exato crava a espada no coração do Touro. Se o toureiro for bom de verdade, o touro morre logo na primeira cravada de espada.

touros4

 

00003

No final da uma pena do touro….

 

O que acontece com o touro depois da tourada?

O depois da tourada o touro é vendido a restaurantes que servem a disputadissima carne do animal – dizem os espanhóis que a carne desse touro não fica dura nem com o sofrimento da morte.

Quando reconhecido o toureiro fica com o rabo do touro como prêmio – e quem diria que levar “um rabo para casa” é uma grande honra para qualquer toureiro.

E se o touro não quiser tourear?

Se o touro não for bravo o suficiente para tourear, eles enchem a arena de outros bois para distrair o touro, tirar ele de lá, e substituir por um outro animal mais feroz.

Vale a pena ver uma tourada?

O espetáculo é super cruel. Tive pena do touro, mas por outro lado, gostei de entender um pouco da parte cultural do espetáculo, ver as roupas dos toureiros e o como a multidão se encanta com o espetáculo

 

Quando acontecem as touradas?

Em geral, elas acontecem todos os domingos – De março a outubro. São 72 touradas por ano. Sendo algumas delas bem importantes, o que significa toureiros famosos e arena lotada!

Quanto custa assistir uma tourada?

O preço dos ingressos varia bastante, e depende do quão importante é a tourada. Num dia meia boca, o ingresso mais barato custa cerca de 5 euros. Mas dá para achar ingressos de 2,20 para uma novilhada.

Compre ingresso pela internet: http://www.taquillaoficial.com/

Fique atento pois o horário das touradas varia conforme o calendário solar, por exemplo, em março as  touradas começam as 17:00h, já em setembro as 19:00 e em outubro as 17:30

 

TOUR DE ONIBUS

Quando  a gente chega num lugar novo nada melhor do que fazer um city tour para dar uma idéia geral, se localizar!  Um sightseeing é bárbaro porque podemos parar e descer nos pontos turísticos e pegar outro ônibus em seguida, com o passe…durante 24, 48 ou 72 horas. (dias consecutivos) Passeie pelos principais pontos turísticos de Madri, para conhecer bem  a linda capital espanhola! Passeie pelo Teatro Real, Palácio Real, Puerta de Toledo, San Francisco el Grande, Catedral Almudena, Plaza Mayor, Puerta del Sol, Círculo Bellas Artes, Museo Thyssen, Museo Reina Sofia, Jardin Botanico, Puerta de Alcalá, Salamanca, Plaza de Colon, Museo Arqueologico, Plaza de Cibeles, Gran Via, Plaza de España e Templo de Debot, que é lindo! A idéia é começar pela manhã para aproveitar bemAgende aqui seu tour

Como chegar e se locomover em Madri: dicas de transporte

 

metrosol

 

Madri tem uma rede de transportes bastante vasta e completa. Os vários meios de transporte e respectivas infraestruturas estão organizados de forma a reduzir substancialmente o trânsito de automóveis na capital. A seguir vamos detalhar rapidamente cada um dos meios e isso ajudará você a economizar já na sua chegada no aeroporto.

Como ir do aeroporto Barajas até seu hotel: chegando em Madri e se locomovendo pela cidade

A chegada principal se dá através do aeroporto de Barajas e o modo mais fácil e econômico de sair do aeroporto até o centro é de metrô. O metrô de Madri é um dos maiores metrôs do mundo, e conta com 316 estações dividindo em 12 linhas de diferentes cores que conectam-se umas às outras. O mapa de metrô (imagem abaixo) também é bastante simples em relação a outras capitais e basta saber entrar na plataforma para a direção correta e não tem erro, pois não existem metrôs que vão para diversas direções na mesma plataforma, como acontece em Londres.

mapa

No mapa, a linha que você terá que pegar para ir ao seu hotel ou local em que irá ficar é a de cor rosa cujo nome é Nuevos Ministerios/Aeropuerto e o número é 8. O aeroporto Barajas dispõe de 4 Terminais e a chegada e partida dependem da companhia aérea. Preste atenção que no aeroporto Barajas as linhas de metrô saem de dois pontos diferentes no mapa Aeropuerto T4 ou Aeropuerto T1-T2-T3 e diferem 15 minutos um do outro.

Exemplo: Vamos supor que você fique na zona central e decide ir de metrô. Se tiver que descer em SOL, pegará a linha 8 até Nuevos Ministerios que é a parada final. Os pontos de interseccão do mapa são as linhas que se cruzam e ai é aonde você deve trocar de linha. Para SOL, o melhor e mais rápido é ir de CERCANIAS (5 minutos) sem ter que trocar até um ponto aonde tenha linhas que parem em Sol. O Trem regional Renfe (Cercanías Madri) complementa a rede de metrô dentro da cidade e cobre àreas mais isoladas da Comunidade de Madri. A Cercanias te leva a Fuenlabrada, Alcazar de Henares, entre outros. Veja as orientações nas placas dentro de Nuevos Ministerios para chegar até a plataforma do CERCANIAS, cujo simbolo é esse que você vê abaixo.

Se tiver que ir à GRAN VIA, temos algumas opções, as melhores são: faça o mesmo caminho até SOL e pegue a linha 1 de cor azul clara Pinar de Chamartin/ Congosto direção Hospital del Norte e desça na GRAN VIA (olhe o mapa e note que a direção para a qual você irá pegar a linha é a última parada da mesma linha). Ou pegue a linha 8 até Nuevos Ministerios (parada final), pegue a linha azul marinho 10, direção Puerta del Sur desça em Alonso Martinez e troque para a linha verde claro de numero 5 que vai em direção a Casa de Campo, descendo na GRAN VIA.

Seguindo essa lógica, basta pegar um mapa do metrô de Madri nas mãos e você saberá ir a qualquer lugar, não é mesmo?!

DICA:

Embaixada do Brasil em Madri
Calle Fernando El Santo, 6 – 28010 / (34) 91 700 4650
Estação de metrô Alonso Martínez – linhas 4, 5 e 10
http://madri.itamaraty.gov.br/pt-br/

 

ONDE FICAR?

NH MADRI VENTAS

ONDE COMER ?

A rede FrescCo tem excelente custo benefício com comida de alta qualidade. O buffet no almoço está € 8,50 e, à noite, sai por € 12. Inclui saladas, massas, pizza, carne, bebida e até sobremesa. Tem 15 endereços na cidade. www.frescco.es

QUANDO IR ?

Madri é uma cidade que tem estações bem definidas: no inverno você sente frio e no verão, calor – não há escapatória. A vantagem é que enquanto estamos numa estação aqui no Brasil, no Hemisfério Norte a estação é outra e você pode aproveitar esse benefício. Para fugir de temperaturas extremas, planeje sua viagem em estações intermediárias.

Nas noites de inverno é comum fazer 0ºC; nos dias de verão pode-se chegar aos 40ºC, mas a temperatura média anual está em torno dos 14ºC. Lembre-se de planejar o que colocar na mala de acordo com a época do ano. O verão é a estação mais seca e o período de chuvas varia, sendo maior no outono e na primavera.

 

 

CIDADES PRÓXIMAS A MADRI QUE VALE A PENA UM BATE E VOLTA

 

TOLEDO

Obviamente algumas opções são mais atrativas, tanto pela proximidade, quanto pela sua riqueza cultural. Talvez a principal opção de bate-volta seja Toledo, com certeza a mais procurada. Construída pelos romanos no século 192 a.c, a cidade tem séculos de história e um conjunto arquitetônico medieval incrível.

00021

Muito gostoso andar pelas ruas de Toledo…..

SAMSUNG CAMERA PICTURES

Localizada às margens do rio Tejo, Toledo é considerada Patrimônio Mundial da Humanidade pela UNESCO. Gostei tanto de conhecer, a cidade, mas o calor é insuportável caso for no verão…. pegamos 40 graus brincando….

00019

00002

00011

Como chegar: localizada a 70 quilômetros de Madrid, há trens partindo da Estação Atocha várias vezes ao dia com destino à cidade. As passagens custam a partir de 13 euros e a viagem dura cerca de 40 minutos (Horários e compra de tickets no site da Renfe). Também é possível fazer o trajeto de ônibus com a Alsa, sem dificuldades ou preocupações, mas com o duração de 1h30m. Nós fomos de ônibus, e achamos a viagem super agradável….

SEGÓVIA

Para quem gosta de história, assim como Toledo, Segóvia é um destino obrigatório. A cidade repleta de praças abriga um aqueduto de mais de 2000 anos construído pelos romanos. O Alcázar, construção que já foi palácio mouro, palácio real e prisão, é outro famoso atrativo. Para completar a lista, vale a pena uma visita a Catedral de Segóvia e um simples passeio pela Plaza Mayor e ruelas da cidade.

segovia-plaza-mayor

Plaza Mayor

Como chegar: para chegar até Segóvia a principal opção é o trem. Localizada a cerca de 90 quilômetros de Madrid, a viagem dura em torno de 30 minutos com trem rápido (Estação Chamartín), ou 1h10m com trem regular (Estação Puerta de Atocha). Em Segóvia a estação fica fora da cidade, mas há serviços de ônibus que ligam a estação ao centro histórico.

segovia1

SALAMANCA

Salamanca é uma das principais heranças renascentistas na Espanha. Ela está ainda mais distante de Madrid, e a viagem de trem dura cerca de 2h30, mas vale muito a pena conhecer. Até mesmo, passar uma noite por lá. Uma das visitas obrigatórias para quem está na cidade é a Universidade de Salamanca, fundada em 1285 é a segunda mais antiga do mundo!

 

salamanca1

Além disso, a cidade tem duas catedrais, uma com arquitetura mais simples e outra em estilo gótico, os Conventos de Las Dueñas e de San Esteban, a ponte romana sobre o Rio Tormes e por fim, a Plaza Mayor e a Plaza Anaya, duas praças onde os moradores e turistas se encontram nas tardes de domingo.

mayorsalamanca

Plaza Mayor

Como chegar: há trens e ônibus que saem de Madrid com destino a Salamanca. Assim como nas outras cidades perto de Madrid, o trem é a forma mais rápida, confortável e barata de ir! A passagem custa a partir de 20 euros.

CUENCA

Localiza a 169 km de Madrid, Cuenca foi construída no alto dos íngremes cânions dos rios Júcar e Huécar. Construída durante o domínio mulçumano, uma das principais atrações são as “casas penduradas” nos precipícios (assim como existem em Ronda, na Andaluzia), que chega a dar vertigem ao olhar!

cuenca

Outro atrativo é a Catedral de Cuenca, muito semelhante com a Notre Dame de Paris. Há uma lenda que o Cálice Sagrado esteja escondido por lá, ele teria sido trazido pelos cavaleiros templários direto de Jerusalém. Além disso, dizem que a cidade é mal-assombrada por bruxas, que rodam a catedral em busca do Cálice Sagrado.

catedralcuenca

Catedral

Para finalizar, a cidade abriga ainda o Convento das Descalças e o Palácio Municipal. Com suas inúmeras lendas, Cuenca tem uma arquitetura incrível e vale a pena conhecer!

descalzas

Convento das Descalzas

 

Como chegar: a viagem de trem dura cerca de 50 minutos e as passagens custam a partir de 25 euros, saindo da Estação Atocha.

 

Para conhecer os arredores belíssimos de Madri: bate-volta para Toledo, Cuenca, Segóvia e Salamanca

Existem duas maneiras econômicas e que sempre recomendamos quando nos perguntam sobre passeios aos arredores de Madri (e não são poucos). De trem ou de carro. Mas por quê?

Para viagens de trem, utiliza-se o serviço nacional Renfe. O Renfe é o organismo responsável pelo serviço ferroviário espanhol. O serviço nacional te leva a visitar cidades próximas a Madri como a encantadora Toledo de D. Quixote de La Mancha (em ± 30 min), Segóvia e sua catedral e aqueduto romano (em ± 1 hora e 40 min) ou Salamanca e sua universidade (em ± 2 horas e 45 min). A grande vantagem é o conforto. A desvantagem é depender do tempo e horários dos trens. As passagens podem ser compradas no site da Renfe ou então em português no site da Rail Europe, que vende tickets de praticamente todas companhias férreas européias e do mundo. Ou então pessoalmente, nas grandes estações (as principais são Atocha e Chamartín).

 

 

 

 

 

Anúncios

10 comentários sobre “MADRID

  1. Marta disse:

    Adoro Madrid ! Parabens pelo post ! Nunca tive coragem de assistir uma tourada, uma vez estando em Madrid chegamos a ir comprar os ingressos mas desistimos ! rs….

    Curtir

  2. Miguel disse:

    Bom dia ! Pretendo ir a Madri em agosto proximo, vc acha que é um bom mes? Me disseram que no verao é bem quente por la, procede isso? Obrigado e parabens pelo post, pegarei muitas dicas !!!

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s